Quinta, 28 de Maio de 2020 16:34
71 9 87051064
Estaduais ⚽ Futebol Brasileiro

Clubes pedem fim do Campeonato Potiguar 2020

O presidente do América, Leonardo Bezerra, acredita que não há mais datas para o término do Estadua

21/05/2020 14h02
92
Por: Robson Silva Fonte: Tribuna do Norte
Créditos: Divulgação
Créditos: Divulgação

Dentro do clima de incerteza que a crise do coronavírus fez surgir no meio esportivo, um debate muito importante para o futebol potiguar vem ganhando força: o que fazer com o Campeonato Estadual de 2020? Sem uma informação definida sobre o possível retorno das atividades há um senso de que será muito difícil dar sequência a competição, que parou no segundo turno.

Com a maior parte das equipes de menor investimento tendo de jogar apenas mais duas partidas para fechar suas participações na temporada, uma vez que apenas ABC, América, Globo e Potiguar têm vaga garantida na Série D do Brasileiro, a Tribuna do Norte foi buscar a opinião de alguns dos representantes dos nossos clubes, com a finalidade de saber o que pensam sobre o futuro da competição.

O presidente do América, Leonardo Bezerra, acredita que não há mais datas para o término do Estadual, bem como terá de ser aberto uma série de precedentes, vistos como perigosos, para levar a competição até o fim.

“Mantenho a opinião de que o Estadual de 2020 deveria ser esquecido. Para mim as competições do próximo ano deveriam respeitar a mesma formatação das desse ano e com os mesmos clubes. Principalmente a Copa do Nordeste, para Liga seria uma boa pedida, uma vez que os grandes clubes da região estão todos na disputa desse ano. Se o nosso campeonato não terá condições de ir até o fim, será cancelado e não pode ser declarado um campeão”, afirmou o presidente americano.

O alvirrubro mantém sua estrutura a espera do recomeço da temporada de futebol. Exatamente como o ABC, que vem buscando superar a crise e a falta de arrecadação com criatividade, se utilizando de estratégias de marketing. No Alvinegro, que vinha liderando com uma certa folga a competição local, a opinião de que o Estadual não terá condições de ter continuidade, é a mesma do rival, o que difere entre elas é justamente a forma como o mesmo terá de acabar.

“A única forma de se fazer justiça é acabar o Estadual e declarar o ABC campeão da temporada. Acredito que assim, a Federação de Futebol estaria premiando a competência do clube, que já venceu o primeiro turno e vinha atuando para dar um liso nos adversários, conquistando o título de forma direta. Dificilmente teremos datas disponíveis para realizar os jogos locais no segundo semestre, as equipes do interior também já se desmontaram”, destacou o treinador abecedista, Francisco Diá.

Globo

Na equipe de Ceará-Mirim, o diretor executivo do clube, Rafael Ramalho, disse que a direção optou por manter boa parte do elenco sob contrato. Dos 33 jogadores que tinham no elenco, oito acabaram dispensados por não estarem nos planos do técnico Renatinho Potiguar para disputa da Série D. Em relação a continuidade do Estadual, Ramalho ressaltou que o Globo teria o interesse de levar a competição até o fim, desde que todas as equipes mantivessem a condição inicial de disputa.

Em relação a continuidade do Estadual, Ramalho ressaltou que o Globo teria o interesse de levar a competição até o fim, desde que todas as equipes mantivessem a condição inicial de disputa.

“Algumas equipes já dispensaram todo o elenco, logo já haverá uma diferença grande de condição. Como clube, estamos dispostos a colaborar, mas existe todo esse problema envolvido sobre o retorno do futebol”, destacou.

Potiguar

O representante mossoroense foi um dos primeiros a liberar o elenco para que os atletas pudessem retornar as suas residências. O clube quitou os salários de fevereiro e março e segue sem perspectivas.

“Não sabemos quando tudo irá retornar ao normal, mas os clubes do interior estão amadurecendo a opinião de que a FNF tem de declarar o campeonato de 2020 como encerrado. Para definir o rebaixamento, bem como a terceira vaga, a gente defende a realização de um torneio seletivo entre os representantes do interior já dentro da fase de preparação para próxima temporada. O terceiro lugar seria importante, caso o RN volte a ter direito de mandar três clubes para Copa do Brasil no próximo ano”, enfatizou Yhan Victor, diretor de comunicação do Potiguar.

ASSU

Pedro Cavalcante, presidente do Camaleão do Vale, está no time daqueles que consideram o retorno da competição estadual inviável. Ele informou que o ASSU também se desfez do elenco e ainda vem enfrentando uma grave crise financeira, devido a paralisação total das atividades.

“Nossa posição é que a FNF decrete o final do Estadual de 2020, com a classificação da forma na qual se encontra hoje. É uma situação inédita, os clubes estão passando por graves dificuldades e o retorno é inviável. Nenhuma equipe de pequeno investimento possui mais condição de retomar a disputa”, reforçou Cavalcante.

Santa Cruz

Seguindo o mesmo princípio dos demais co-irmãos, o Santa Cruz liberou o seu elenco, mas mesmo com a promessa do retorno de todos para finalização da campanha no Estadual, o presidente do clube Lupercio Segundo, aponta como difícil se encontrar uma solução para retomada do Campeonato Potiguar. Ele alertou que, para tanto, uma série de situações terão de ser revistas, principalmente em relação a regularização dos atletas. O Tricolor possui apenas mais dois jogos a realizar pelo campeonato.

“Existem diversas opiniões do que se fazer com o Estadual, inclusive propostas para transferir esse término para o próximo mês de dezembro, quando os nossos clubes já estão em pré-temporada.  Seria uma alternativa e já serviria como uma forma de preparação das equipes, tendo em vista a temporada de 2021. Acho essa uma opção plausível, mas, absolutamente, nada foi colocado na mesa”, salientou Lupercio Segundo.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Água Fria - BA
Atualizado às 16h29 - Fonte: Climatempo
28°
Pancada de chuva

Mín. 21° Máx. 32°

31° Sensação
28.1 km/h Vento
68.7% Umidade do ar
90% (4mm) Chance de chuva
Amanhã (29/05)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 20° Máx. 28°

Sol e Chuva
Sábado (30/05)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 19° Máx. 27°

Sol com algumas nuvens
Ele1 - Criar site de notícias