Quarta, 22 de Setembro de 2021
19°

Poucas nuvens

Água Fria - BA

Brasileiro Série A Série A

Chapecoense vira sobre o Bragantino fora de casa e vence a primeira no Brasileirão

Chapecoense virou a partida diante do Bragantino no fim do segundo tempo da partida do Brasileirão

11/09/2021 às 23h54
Por: Redação EF
Compartilhe:
Foto: Márcio Cunha/ACF
Foto: Márcio Cunha/ACF

A Chapecoense bateu de virada por 2 a 1 sobre o Red Bull Bragantino na noite deste sábado, 11, no Nabi Abi Chedid, pela 20ª rodada do Brasileirão. O Bragantino abriu o placar com Artur, no primeiro tempo, em pênalti que foi marcado após revisão do VAR. Na etapa final, a Chapecoense empatou com Mike, aos 33 minutos. E nos acréscimos, aos 49, Anselmo Ramon fez o gol da virada.

A Chapecoense, agora com dez pontos, continua na 20ª e última colocação. Já o Bragantino segue na quarta colocação, com 32 pontos. 

Bragantino e Chapecoense entram em campo novamente no próximo sábado, 18. Às 17h, a Chape recebe o Palmeiras na Arena Condá. O Massa Bruta visita o Bahia, às 21h, no Pituaçu. Os jogos são válidos pela 21ª rodada do Brasileirão.

O JOGO

No primeiro lance do jogo, a Chape deu o tom de como seria a partida com Bruno Silva invadindo a área e finalizando para defesa do goleiro adversário.

Na sequência do embate, dominando as ações, a equipe alviverde seguiu criando boas oportunidades e levando perigo ao ataque: aos 30, Bruno Silva cortou pra dentro e finalizou, mas mandou por cima da meta; na sequência, aos , Busanello invadiu a área pela esquerda e finalizou cruzado, para grande defesa de Cleiton. Apesar de melhor na partida, a Chape viu o RB Bragantino abrir o placar aos 37, com Artur convertendo cobrança de pênalti. 

Mesmo atrás no placar, a Chape manteve o ímpeto e voltou para o segundo tempo disposta a buscar a vitória. Depois de muita pressão, a reação teve início aos 33, quando Ravanelli cobrou falta na área e Mike subiu mais alto que a marcação para cabecear para o fundo da rede.

Nos lances seguintes, o que se viu foi uma verdadeira blitz alviverde na área adversária: Aos 40, Anselmo Ramon carimbou o travessão; aos 47, Fabinho arrumou espaço e chutou com força, para defesa do goleiro; e aos 49, finalmente, veio a redenção: Ravanelli cobrou falta na área, Jordan escorou e o camisa nove da Chape mandou para o fundo das redes, dando números finais ao jogo.  

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Enquete
Ele1 - Criar site de notícias