Quarta, 22 de Setembro de 2021
19°

Poucas nuvens

Água Fria - BA

Brasileiro Série C Série C

Floresta e Ferroviário empatam no Vovozão pela Série C

Os gols foram marcados por Alison Mira, para o Floresta, e Jô (contra), para o Ferroviário

24/07/2021 às 21h24
Por: Redação EF
Compartilhe:
Foto: Lenilson Santos / Ferroviário AC
Foto: Lenilson Santos / Ferroviário AC

Floresta e Ferroviário empataram em 1 a 1, neste sábado (24), em duelo válido pela nona rodada da Série C. Os gols foram marcados por Alison Mira, para o Floresta, e Jô (contra), para o Ferroviário, ambos no segundo tempo.

Com o empate, o Ferroviário manteve a primeira colocação do Grupo A, mas pode ser ultrapassado por Botafogo-PB e Paysandu, que ainda jogam na rodada. O Floresta estacionou na 8ª posição, com dez pontos, e pode entrar na zona de rebaixamento caso o Jacuipense-BA vença o Altos-PI no domingo, 25.

O próximo compromisso do Floresta será contra a Jacuipense, no sábado (31), em Pituaçu, às 15h. O Ferroviário recebe o Botafogo-PB, no mesmo dia, às 19h.

O JOGO

Não foram muitos os lances de perigo na partida. Foi um jogo truncado e com pouca criatividade por parte de ambas as equipes.

O Floresta até começou querendo mais o jogo.  Foi do Verdão a primeira boa chance do jogo, aos 12 minutos, quando Deysinho arrancou e arriscou da entrada da área. Rafael fez ótima defesa.

O lance fez o Ferroviário ocupar mais o ataque. Aos 18, Emerson cruzou para Adilson Bahia desviar de cabeça e mandar à esquerda do gol.

O confronto, porém, não saiu do marasmo. Ambas as equipes sofriam com os passes errados. Chutes de fora da área viraram a melhor opção.

Aos 35, Gabriel Silva arriscou de longe e Tony segurou firme. Chance melhor Gabriel Silva teve aos 43: após cruzamento, a bola sobrou para ele dentro da área. O chute forte passou, perigosamente, à esquerda do gol.

O segundo tempo ia no mesmo caminho do primeiro, até que, aos cinco minutos, Alison Mira recebeu da entrada da área e chutou forte, marcando um belo gol.

Com o placar desfavorável, o Ferroviário se lançou ao ataque, mas seguia com dificuldades para criar. O Floresta, por sua vez, se sentia confortável para ficar na defesa.

O resultado foi um longo período sem os dois goleiros trabalharem. Francisco Diá resolveu agir e mandar o Tubarão à frente: após tirar Reinaldo para colocar Thiago Aperibé, ele fez três substituições de uma vez: Augusto, Roni e Tibiri entraram nos lugares de Adilson Bahia, Lázaro e Wesley Dias.

Não surtiu efeito: a bola seguia zanzando no campo de ataque do Ferrão, sem que a defesa fosse penetrada. O Floresta também não conseguia contra-atacar. Aos 39, o Verdão tentou surpreender Rafael chutando do meio-campo, mas o goleiro estava bem posicionado.

Mesmo sem conseguir pressionar, o Ferroviário conseguiu achar o empate. Aos 47, após cruzamento de Roni, Jô tentou cortar de cabeça, mas acabou desviando de forma que tornou a bola indefensável para o goleiro Tony. E não houve tempo para mais nada.

O Floresta ainda jogou uma falta dentro da área, no último minuto, mas a bola foi nas mãos de Rafael. O jogo ficou mesmo no 1 a 1.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Enquete
Ele1 - Criar site de notícias