Sexta, 23 de Abril de 2021 13:23
71999351378
Tênis WTA 1000

Luisa Stefani busca vaga na final de duplas do WTA 1000 de Miami na noite desta sexta-feira

Tenista paulistana e a norte-americana Carter buscam decisão inédita

04/04/2021 15h16
89
Por: Redação EF
Luisa está animada para chegar à final (Marcelo Stefani / Divulgação)
Luisa está animada para chegar à final (Marcelo Stefani / Divulgação)

Abril, 2021 - A paulistana Luisa Stefani, baseada na Saddlebrook Academy, na Flórida (EUA), e a norte-americana Hayley Carter, buscam, nesta sexta-feira (2), vaga na final do WTA 1000 de Miami, nos Estados Unidos, torneio sobre o piso duro com premiação de US$ 3,26 milhões. A dupla encara a canadense Gabriela Dabrowski e a mexicana Giulia Olmos às 21h30min na quadra principal do complexo do Hard Rock Stadium.

Luisa, já jogou com as duas tenistas, inclusive quando conquistou o o vice-campeonato, no final do ano passado, no WTA 500 de Ostrava, na República Tcheca, fazendo dupla com Dabrowski. Caso se classifiquem, será a primeira final de um torneio WTA 1000 na carreira da dupla. A semana já é histórica para a brasileira, que alcançou no mínimo o 29º lugar, seu melhor ranking. Se vencer, será a 26ª e terá o melhor desempenho na história de uma brasileira no ranking oficial da WTA que foi criado em 1975.

"Muito empolgada para a semifinal. Espero que seja um ótimo jogo, uma boa batalha. As duas jogam super bem e já joguei várias vezes contra e a favor das duas. Nos conhecemos bem. Imagino que será uma boa partida, um estilo mais parecido com o nosso do que das outras meninas que enfrentamos esta semana. Estamos super empolgada e confiantes para buscar essa vaga na final", garante Luisa, que tem o patrocínio do Banco BRB e os apoios da Fila, CBT, HEAD, Saddlebrook Academy, Tennis Warehouse e Liga Tênis 10.

Carreira - Luisa Stefani, 23 anos, nascida em São Paulo (SP), mora em Tampa, na Flórida (EUA), treinando na Saddlebrook Academy. Cursou a universidade americana de Pepperdine, onde jogou o circuito universitário por alguns anos. Se destacou e optou por trancar a faculdade para disputar o circuito profissional integralmente a partir de meados de 2018. Ganhou destaque nas duplas e começou a colher resultados já em 2019, conquistando um título no WTA de Tashkent, no Uzbequistão, e o vice-campeonato em Seul, na Coréia do Sul, em outubro, com sua então nova parceria, a norte-americana Hayley Carter, terminando o ano perto das 70 melhores do mundo.

Em 2020, conquistou o WTA 125 de Newport Beach, na Califórnia e chegou às oitavas de final do Australian Open. Após a quarentena, comemorou o título do WTA de Lexington, nos Estados Unidos. Terminou o ano como a 33ª do mundo, primeira brasileira no top 40 em mais de três décadas. Começou 2021 com a final no WTA 500 de Abu Dhabi, nos Emirados Árabes, alcançando o top 30 - a primeira brasileira desde 1976 - e chegou à segunda decisão em Adelaide. Há duas semanas, foi quadrifinalista do WTA 1000 de Dubai. Como juvenil, também foi destaque, conquistando vitórias em Wimbledon e se tornando Top 10.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Água Fria - BA
Atualizado às 13h11 - Fonte: Climatempo
32°
Muitas nuvens

Mín. 20° Máx. 33°

36° Sensação
14 km/h Vento
67.5% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (24/04)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 20° Máx. 32°

Sol com algumas nuvens
Domingo (25/04)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 19° Máx. 33°

Sol e Chuva
Ele1 - Criar site de notícias