Segunda, 01 de Março de 2021 22:03
71 9 87051064
Futebol Baiano EC.BAHIA

Mano Menezes reconhece início ruim do Bahia no Couto Pereira

Após sair atrás no placar, Bahia vence o Coritiba no Couto Pereira e encerra tabu de 35 anos

16/11/2020 22h50 Atualizada há 3 meses
187
Por: Robson Silva
Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia
Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

O técnico Mano Menezes reconheceu que o começo de jogo do Bahia não foi bom. Na coletiva concedida após a partida, ele explicou as mudanças que precisou fazer para conter as investidas do Coritiba. Porém, a opinião do treinador é de que o gol do Coxa que foi anulado após consulta ao VAR foi o divisor de águas para o time baiano acordar e quebrar um longo tabu, já que o Tricolor não vencia no Couto Pereira desde 1985.

"Felicidade que, depois de tantos anos, o Bahia volta a vencer no Couto Pereira. Pelas informações que eu tenho, a última vitória tinha sido em 1985, o que dá uma ideia da dificuldade que é vencer aqui. Nos preparamos para um jogo difícil, independentemente da formação, dificuldades, ausências, do nosso adversário. Não iniciamos bem o jogo, mas não iniciamos mais por mérito da movimentação do Coritiba, que colocou Giovanni como falso 9, e não conseguimos encaixar num primeiro momento. Tomamos o gol cedo, em função disso, de tentar perseguir o Robson, o extremo da esquerda, entrou a bola e sofremos o gol. Mesmo assim, nos primeiros 25 minutos, continuamos tendo dificuldade.

O treinador comentou a melhora do Tricolor no decorrer da partida. "Ajustamos, trouxemos o Gregore para trás, para soltar o Nino mais à frente para encontrar o Matheus, lateral. Aí começamos a controlar o jogo. Já começamos criar oportunidades, ter volume. Até sofrer o segundo gol, que acho que foi um estalo na gente. Felizmente, a bola bateu na mão; no VAR, o juiz interpretou assim. Imediatamente, fizemos uma jogada bem trabalhada com Matheus Bahia, que achou Élber. Élber dominou bem, girou, bateu, empatou, e pudemos pensar no segundo tempo para tentar virar a partida.

"Foi um jogo igual, de detalhes. São jogos que valem muito, porque se está jogando muita coisa nessa hora. Hoje aqui a possibilidade de abrir oito pontos para um adversário que, até duas semanas atrás, era um adversário direto na proximidade que estávamos do Z-4. A equipe está de parabéns, porque se superou, soube conviver com as dificuldades do jogo, apresentar soluções que tínhamos que apresentar para sair daqui com os três pontos", completou.

"Evoluímos muito em termos de maturidade de equipe. Isso é necessário. A gente não pode ser ingênuo, se deixar afetar demais com gol que sofre, se empolgar demais com gol que faz. Encontrar isso é fundamental para a equipe ter resultado e, depois de ter resultado, começar a avançar com qualidade de jogo, construção de jogadas, que penso que temos condições de fazer. Sem dúvida, essa é a parte de evolução da equipe que é mais nítida, em função do que acontecia antes, do tipo de problema que tínhamos a cada jogo, e a resposta que temos dado em cima das mesmas situações de antigamente.

Mano Menezes terá pouco tempo para preparar a equipe até o próximo compromisso, mais uma vez fora de casa. O Bahia volta a jogar na próxima sexta-feira, às 20h (de Brasília). O adversário será o Bragantino, no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, pela 22ª rodada da Série A.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
-
Atualizado às 21h00 - Fonte: Climatempo
°

Mín. ° Máx. °

° Sensação
km/h Vento
% Umidade do ar
% (mm) Chance de chuva
Amanhã (02/03)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. ° Máx. °

Quarta (03/03)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. ° Máx. °

Ele1 - Criar site de notícias